Quem não gosta de colecionar lindas lembranças de suas viagens? E mais, quem não gosta de ter uma lembrança de um lugar bonito e incomum que também esteja você nesta foto? Muitos de vocês provavelmente responderiam as perguntas com: eu, é claro!

E o fato é que muitos de nós não valorizamos apenas a visita e o conhecimento de lugares, culturas e monumentos. Também é muito importante voltar para casa com lembranças que permanecerão conosco por toda a vida, bem como aquelas que permanecem em nossas mentes, que podemos exibir para a família e os amigos porque, além disso, elas têm o bônus adicional de serem curiosas e diferentes.

É por isso que na Europamundo queremos lhe mostrar 5 lugares originais e muito especiais para fotografar (embora possa haver muitos mais) onde você pode tirar fotos se estiver viajando para a Espanha! Acredite em nós, se você for viajar para qualquer uma dessas cidades, mantenha este post do blog à mão para não perder nenhuma foto bonita. Vamos começar!

1.- O MIRANTE DO TEMPLO DE DEBOD (Madri, Espanha)

Próximo ao Príncipe Pío, ao lado do majestoso Templo de Debod, há um mirante pouco conhecido, mas que tem o charme de oferecer a melhor vista do local onde nasceu a cidade de Madri. Você pode desfrutar de uma imagem cheia de história e simbolismo!

O mirante, localizado na parte de trás da igreja, oferece vistas maravilhosas do Palácio Real e de duas outras perspectivas que definem o “Skyline” de Madri: a Catedral de Almudena e a enorme cúpula da Basílica de San Francisco el Grande.

Além de tirar a foto obrigatória, não se esqueça de se deitar na grama para contemplar a maravilha que é Madri e depois compartilhe essa foto com a Europamundo!

Endereço: Calle de Ferraz, N 1 – Metrô Plaza de España, Linhas 10 e 3

2.- A RUA DO BEIJO (Sevilla, Espanha)

Você precisa visitar essa rua! A “Calle Reinoso“, mais conhecida como Calle del Beso, é a rua mais estreita de Sevilha, com apenas um metro de distância entre um lado e outro. Escondida no coração do bairro de Santa Cruz, sua estreiteza proporciona uma sombra perene que mantém a temperatura fresca em sua passagem estreita.

Ela tem 50 metros de comprimento e une a Plaza de los Venerables e a Calle Lope de Rueda. É muito surpreendente olhar para cima e ver como essa pequena distância se torna ainda menor no topo dos prédios, tanto que parece que as varandas de frente uma para a outra quase poderiam se tocar, pois estão separadas por apenas meio metro. E é exatamente essa proximidade entre as sacadas que dá origem ao apelido carinhoso da rua, pois os vizinhos desses prédios próximos poderiam perfeitamente se beijar estando em suas próprias sacadas.

Que lugar melhor para tirar uma foto de recordação do que nesse beco romântico e beijando a pessoa amada?

3.-  O PEQUENO CAVALO DA LONJA (Zaragoza, Espanha)

Na Plaza de Nuestra Señora del Pilar, ao lado da Prefeitura, fica o Palacio de la Lonja, um edifício de meados do século XVI que se orgulha do fato de ter sido o primeiro edifício renascentista a ser construído em Zaragoza.

Se você for até a fachada posterior desse edifício, na margem do rio, verá uma pequena praça com uma curiosa escultura de bronze, que também tem uma história terna por trás, tão real quanto a própria vida.

A escultura “dá vida” a Ángel Cordero, fotógrafo do minuto! Um daqueles profissionais itinerantes que se instalava com suas câmeras fotográficas de madeira em um ponto emblemático da cidade para tirar fotos dos cidadãos, entregando-as quase na hora, daí o apelido de “minutero”! Além de sua máquina de madeira, Angel Cordero tinha outro tesouro: um cavalo de papel machê em cujo lombo as crianças podiam subir para serem fotografadas. Toda a felicidade que elas sentiram ao subir no lombo desse cavalinho foi imortalizada pelo fotógrafo e as famílias puderam levar a foto para casa no mesmo dia.

Tire uma foto sua nas costas fortes dele, não tenha medo! Ele é feito de bronze e pode suportar o peso de um adulto sem nenhum problema.

Endereço: Caballito de la Lonja en la calle Don Jaime I, número 62, de Zaragoza

4.- A CIDADE DAS ARTES E DAS CIÊNCIAS (Valência, Espanha)

A Cidade das Artes e das Ciências (CAC) é um complexo de edifícios culturais e de lazer localizado na extremidade leste do antigo leito do rio Túria, cujos enormes jardins, com mais de 10 km de extensão, fazem parte do porto de Valência.

Consiste em cinco edifícios separados e duas pontes duplas sobre o rio, projetadas pelo famoso arquiteto e engenheiro valenciano Santiago Calatrava, conhecido em todo o mundo por seus edifícios e pontes brancos característicos.

Esses edifícios são ladeados por extensas piscinas rasas cobertas por seus característicos trencadís de cerâmica branca, pequenos pedaços de azulejos brancos colados lado a lado, uma técnica valenciana muito antiga para cobrir superfícies, desenvolvida pelo arquiteto catalão Antoni Gaudí em seus projetos em Barcelona.

Do outro lado do Museu de Ciências, há outro edifício muito alto coberto de trencadís de cerâmica azul-marinho chamado L’ Agora, um edifício multifuncional onde foram instalados desde pistas de patinação até quadras de tênis para o Valencia Open.

Em resumo, os amantes da fotografia não encontrarão um lugar melhor!

Endereço: Ciudad de las Artes y las Ciencias en Avda. del Professor López Piñero,7

5.- LOS GUARDIANES DEL GUGGENHEIM (Bilbao, Espanha)

Para finalizar nossas sugestões de lugares superfotografias na Espanha, gostaríamos de terminar com duas possíveis fotos do mesmo lugar! O esplendor do Museu Guggenheim é tal que precisa não de um, mas de dois guardas permanentes! Dois guardiões corajosos que o vigiam constantemente, e ambos são tão bonitos quanto curiosos, por isso merecem ser fotografados!

Vamos começar com o mais implacável e feroz… Um cão gigantesco que guarda a entrada do museu! Ele tem 12 metros de altura e pesa 16 toneladas. Se olharmos mais de perto, surpresa! ele é de fato um florido cachorro escocês! Esse é o Puppy, um West Highland White Terrier, que não é branco, pois é multicolorido… E esse cachorro de aço está completamente coberto de flores! Apesar de seu tamanho enorme, ele é tão fofo que fica feliz em ser fotografado. Ele até posa como um verdadeiro influenciador!

Nosso Puppy foi projetado por Jeff Koons, em 1992, e desde 1997 ele nos acompanha até a entrada do Guggenheim, um cartão postal icônico de Bilbao, ele é uma escultura viva, suas flores são a representação dos clássicos jardins europeus. Inicialmente, essa escultura coberta de flores era uma exposição temporária, mas… Nós a adotamos para sempre!

No próximo guarda do Museu Guggenheim, vamos verificar se ele é tão implacável quanto dizem… Há rumores de que um imenso predador vive nos fundos do museu e pode ser letal… Contornamos o espetacular edifício até chegarmos ao estuário e, de repente, diante de nós, uma imagem chocante que nos faz tremer… Uma aranha colossal de 10 metros de altura vigia o museu no calçadão do estuário! Nós nos aproximamos com cautela e vemos que ela docilmente nos deixa espiar por entre suas pernas finas e observar sua figura assustadora, quando você deve aproveitar a oportunidade para tirar uma fotografia muito original!

Endereço Puppy: Abandoibarra Etorbidea, 2
Endereço Aranha: Ingelesen Landako Kaia, 2

Em resumo, há milhares de fotografias que você poderia tirar na Espanha, mas quisemos selecionar cinco delas (que, lembre-se, você pode visitar todas com a Europamundo!), e temos certeza de que, se você perguntar ao seu agente de viagens de confiança, ele poderá sugerir muitas outras, mas, nesta ocasião, gostaríamos de perguntar a você…

Que lugares mágicos você tem fotos na Espanha? Confira as fotos de nossos viajantes visitando a Espanha CLICANDO AQUI!